quarta-feira, 23 de julho de 2014

Saúde/MG abre concursos com mais de 1.700 vagas


Com organização da Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (Funcab), a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES – MG) anunciou nesta semana a abertura de dois concursos públicos (CPs). Juntos, os certames totalizam 1.746 oportunidades de níveis médio, técnico e superior, distribuídas entre diversos municípios.
O CP 001/2014 é destinado ao cargo de Auditor Assistencial Estadual do Sistema Único de Saúde (SUS), junto aos núcleos temáticos de Medicina, Enfermagem, Odontologia, área da Saúde, Ciências Gerenciais e Direito. São 130 vagas imediatas, sendo 15 exclusivas para pessoas com necessidades especiais (PNE).
Podem participar desse concurso, graduados em Medicina, Enfermagem, Odontologia, áreas da Saúde, Administração, Ciências Econômicas, Ciências Contábeis ou Gestão Pública e Direito.
Já o CP 002/2014 traz 630 vagas para Técnico de Gestão da Saúde e 986 para Especialista em Políticas e Gestão da Saúde, sendo 165 destinadas a PNE. A participação nesse certame é liberada a quem tem formação correspondente às áreas de nível médio, técnico e superior.
No caso de Técnico de Gestão da Saúde, os profissionais atuarão junto aos núcleos temáticos Administrativo, de Patologia Clínica, Contabilidade e Edificações, enquanto os Especialistas em Políticas e Gestão da Saúde serão designados para os núcleos de Assistência Farmacêutica, Arquitetura/ Engenharia, Comunicação Social, Direito, Gestão, Vigilância em Saúde e Políticas Públicas de Saúde.
De modo geral, os profissionais terão jornadas de 40h semanais, exceto no caso do núcleo temático de Medicina (CP 001/2014), que é de 20h. Mas em todos os casos os contratos serão firmados em regime estatutário.
As remunerações serão de R$ 3.300,00 para Auditor, acrescidas de prêmio por desempenho de metas no valor de até R$ 1.500,00; de R$ 2.292,10 para Especialista, com gratificação por atividade de gestão da saúde; e de R$ 954,55 para Técnico.
Para concorrer basta atender aos requisitos do cargo de interesse e realizar inscrição de 22 de setembro de 2014 a 26 de outubro de 2014 pela página eletrônica www.funcab.org, com taxas de R$ 42,00 e R$ 53,00. Outra opção é comparecer a um dos postos disponibilizados pela organizadora.
Serão aplicadas provas objetiva de múltipla escolha e discursiva, ambas eliminatórias e classificatórias, previstas para 7 de dezembro de 2014, nas cidades de Alfenas, Barbacena, Belo Horizonte, Diamantina, Divinópolis, Governador Valadares, Juiz de Fora, Montes Claros, Patos de Minas, Ponte Nova, Pouso Alegre, Teófilo Otoni, Uberaba e Uberlândia.
A validade dos concursos é de dois anos e pode ser prorrogada.
Fonte: PCI Concursos

Crea/RJ fará concurso público com 22 oportunidades


O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Rio de Janeiro (Crea/RJ) abriu processo licitatório para contratar a instituição que organizará seu próximo concurso público com 22 oportunidades de nível médio.
As vagas serão destinadas para a carreira de profissional de área técnica e serão distribuídas nas seguintes coordenações do conselho: Coordenação Regional Metropolitana (10), Coordenação Regional Leste-Metropolitana (3), Coordenação Regional Leste (5), Coordenação Regional Sul (2), Coordenação Regional Serrana (1) e Coordenação Regional Norte (1).
Além dos postos imediatos, haverá formação de cadastro reserva de pessoal. A remuneração oferecida será de R$ 1.834.
O processo seletivo constará de avaliações objetivas com questões de conhecimentos gerais e específicos.
Seleção anterior – Em 2011, o Crea promoveu um concurso com 60 oportunidades, além de cadastro reserva, para candidatos com ensinos médio e superior. As remunerações partiram de R$ 1.280 e chegaram a R$ 5.000. O processo seletivo ficou sob a responsabilidade da Consulplan.
Ensino médio completo foi imprescindível para pleitear os empregos nas áreas administrativa (20), técnica/âmbito do sistema Confea/Crea (35) e técnica/formação em técnico em contabilidade ou administração (5).
Diploma de graduação habilitou o cadastro nas colocações de engenheiro (CR), geógrafo (CR), meteorologista (CR), administrador (CR), advogado (CR), analista de sistemas (CR), contador (CR) e analista de comunicação/jornalismo (CR).
A seleção foi composta de provas objetivas com 60 questões de múltipla escolha. Os testes tiveram perguntas sobre língua portuguesa, raciocínio lógico, legislação do sistema Confea/Crea, noções de informática, noções de direito, matemática e/ou conhecimentos específicos, de acordo com a função pretendida.
Fonte: JC Concursos

terça-feira, 22 de julho de 2014

Polícia Civil do Ceará contrata empresa para realizar concurso

A Polícia Civil do Estado do Ceará anunciou a contratação da Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Vunesp).
A empresa irá prestar serviços especializados na coordenação, organização, planejamento e execução de Concurso Público destinado ao provimento efetivo de 763 vagas, sendo 168 para o cargo de Delegado de Polícia Civil 1ª Classe, 366 vagas para a função de Escrivão e 259 oportunidades para Inspetor de Polícia.
Mais informações podem ser obtidas no extrato de contrato disponível em nosso site, no link abaixo da notícia.
Fonte: PCI Concursos

TRT 14 abrirá concurso para cargo de nível superior

Com jurisdição no Estado de Rondônia, o Tribunal Regional do Trabalho da 14ª Região (TRT 14) escolheu o Instituto de Estudos Superiores do Extremo Sul (Ieses) para organizar o seu próximo concurso público, que terá oportunidades para a carreira de analista, com exigência de ensino superior.
De acordo com informações obtidas junto ao departamento de gestão de pessoas, o órgão está finalizando o contrato com o Ieses e em breve lançará o edital.
A seleção apresentará vagas imediatas, além de formação de cadastro reserva, para o cargo de analista judiciário nas seguintes áreas: judiciária/administrativa, apoio especializado/medicina e apoio especializado/odontologia.
O responsável pelo setor de gestão de pessoas ainda informou que falta definir o número de vagas para analista administrativo, mas que haverá duas para médico e uma para odontólogo.
Em 2011 – O TRT promoveu um processo seletivo com 22 vagas imediatas e cadastro de pessoal. Sob responsabilidade da Fundação Carlos Chagas, a seleção teve salários que oscilaram entre R$ 4.052,96 e R$ 6.611,39.
Profissionais com ensino médio disputaram as funções de técnico judiciário/área administrativa e técnico judiciário/apoio especializado/tecnologia da informação.
Já as pessoas com diploma de graduação concorreram ao emprego de analista judiciário nas áreas jurídica, jurídica/execução de mandados, apoio especializado/engenharia de segurança do trabalho, apoio especializado/medicina, apoio especializado/medicina do trabalho e apoio especializado/tecnologia da informação.
Todos os concorrentes foram submetidos às avaliações com perguntas de múltipla escolha que versaram sobre conhecimentos gerais e específicos. Depois, houve testes discursivos para analista.
Fonte: JC Concursos

Coren/PB prepara concurso para diversos cargos

O Conselho Regional de Enfermagem da Paraíba (Coren-PB) realizará concurso público para o preenchimento de 15 vagas, sendo 10 para cargos com exigência de ensino médio e 5 para nível superior. As remunerações iniciais serão de R$ 2.170,57 para oportunidades com necessidade de ensino médio e R$ 4.117,97 para superior.
O concurso está em fase de licitação para escolha da organizadora, com pregão presencial, do tipo menor taxa de inscrição, marcado para o próximo dia 31. Somente após o contrato com a escolhida será definida a data de publicação do edital de abertura de inscrições.
Quem possui ensino médio ou médio com formação técnica poderá concorrer ao cargo de assistente administrativo, com oferta de 10 vagas, sendo 9 para João Pessoa e 1 para Campina Grande. Para nível superior, as opções serão para enfermeiro fiscal (2, com registro no Coren-PB), advogado (2, com registro na OAB) e contador (1, com registro no CRC-PB). Para estas carreiras, todas as vagas serão para João Pessoa.
De acordo com o edital de licitação, embora as taxas somente serão oficializadas após a escolha da organizadora, o concurso tem como termo de referência os valores de R$ 70 para cargos com exigência de ensino médio e R$ 92,66 para nível superior.
Ainda de acordo com o edital de licitação, a publicação do edital de abertura de inscrições deverá ocorrer dentro de um prazo de 15 dias após a assinatura do contrato com a banca. Além disso, o recebimento das inscrições deve ser iniciado até 8 dias após a publicação do edital de abertura, com término de atendimento 20 dias após a publicação. Depois disso haverá 3 dias úteis para divulgação do resultado dos pedidos de isenção de taxa, dois dias de recursos e mais 3 dias úteis para análise de recursos. Finalmente, serão concedidos mais 17 dias para divulgação dos locais de prova, que deve ocorrer após 7 dias da convocação

Ebserh convoca aprovados nos concursos para hospitais universitários

A Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) divulgou nesta segunda-feira (7) a convocação dos aprovados nos concursos para os hospitais universitários Onofre Lopes (Huol) e Ana Bezzera (Huab), e para a Maternidade Escola Januário Cicco (Mejc), todos ligados à Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

O Huol ofereceu 1.104 vagas, sendo 190 vagas de nível superior em 56 especialidades médicas, 796 vagas de níveis médio e superior na área assistencial e 118 vagas de níveis superior e médio para a área administrativa. O Hospital Ana Bezzera (Huab) abriu 375 vagas, sendo 93 para 17 especialidades médicas, 238 vagas de níveis médio e superior na área assistencial e 44 vagas de níveis superior e médio para a área administrativa. A Maternidade Escola Januário Cicco (Mejc) ofereceu 492 vagas, sendo 141 de nível superior em 25 especialidades médicas, 299 vagas de níveis médio e superior na área assistencial e 52 vagas de níveis superior e médio para a área administrativa.

Após a realização dos exames admissionais, os convocados assinarão contrato com a Ebserh sob o regime Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). A escolha dos horários da jornada contratada obedecerá a ordem de classificação.

Concurso desperta interesse em todos os estados. Até R$11.776

Com vagas apenas em Brasília, mas com a garantia de estabilidade e vencimentos capazes de atrair candidatos de todo o país, o concurso da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) segue com inscrições abertas até o próximo dia 1º de agosto. A seleção é para 100 vagas, sendo 20 de técnico administrativo, nas áreas Administração e Comunicação; e 12 técnico em regulação de serviços de telecomunicação, ambos de nível médio. Há chances também no 3º grau: 20 de analista administrativo (Arquitetura, Direito e Engenharia Civil) e 48 de especialista em regulação de serviços de telecomunicação (Contabilidade e Economia, entre outras).

As inscrições, que custam R$50 e R$100, conforme o nível, devem ser efetuadas via site do Cespe/UnB, organizador. Pessoas pertencentes a famílias de baixa renda, inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do governo federal, têm direito à isenção, que deve ser pleiteada até 1º de agosto. Quanto aos vencimentos, para técnico administrativo o valor é de R$5.791,25. Já o técnico em regulação tem ganhos que chegam a R$6.047,25. No nível superior, as remunerações são ainda melhores, sendo R$10.916,90 para analista e R$11.776,90 para especialista. Em todos, já estão incluídos os R$373 referentes ao auxílio-alimentação. A carga de trabalho é de 40h semanais.

As avaliações ocorrerão por meio de provas objetivas, previstas para 14 de setembro. Na ocasião, todos serão submetidos a 120 questões, divididas em 50 de Conhecimentos Básicos, mais 70 de Específicos. Posteriormente, haverá também os exames discursivo e de títulos, além de Curso de Formação, exclusivo para os cargos que exigem graduação. Todas as etapas serão realizadas na Capital Federal. O concurso tem validade de um ano, com possibilidade de prorrogação por igual período. Conforme citado anteriormente, as contratações seguirão o regime estatutário, ou seja, com garantia de estabilidade.
Fonte: Folha Dirigida

Saiu edital com oferta total de 768 vagas! Até R$9.874

Foi divulgado nesta terça, 22 de julho, o edital do concurso do Instituto Nacional de Câncer (Inca) do Rio de Janeiro e do Ministério da Saúde, que estará sob a responsabilidade da Funcab. Serão oferecidas 768 vagas em cargos dos níveis médio, médio/técnico e superior, em sua maioria da área de Saúde, sendo 583 para trabalhar no Inca, no Rio de Janeiro, e 185 no ministério, em Brasília. A remuneração inicial varia de R$3.239 a R$9.874,05, cobrando taxa de R$97 (para as carreiras de nível superior) e de R$78 (médio).
 
O documento liberado traz as principais regras do certame, bem como especifica a distribuição das vagas abertas e a descrição das atividades de cada função. No entanto, o conteúdo programático a ser estudado e o cronograma da seleção, com indicação do prazo de inscrições e data de aplicação das provas, somente serão liberados em 5 de agosto, conforme consta do edital. O concurso terá a validade inicial de dois anos, podendo ser prorrogada uma única vez e pelo mesmo período.
 
Serviço

Comperve: Concurso público nas regiões Trairí e Potengi

Atenção você, que quer um emprego público, estabilidade na carreira e muitos benefícios (e responsabilidades também). Riachuelo e cidades circunvizinhas, ainda este ano, vão promover concurso público de provas e títulos. O Município de Riachuelo na região do Potengí, tendo à frente a Prefeita Mara Lourdes Cavalcanti, recebeu o Ofício de nº 68/2014, da COMPERVE – Comissão Permanente do Vestibular, instituição ligada à UFRN, bastante respeitada e experiente em fazer concursos públicos, informando que o contrato de execução do Concurso Público, da COMPERVE com o Município de Riachuelo já teve a aprovação da Assessoria Jurídica do órgão, após algumas alterações que foram ratificadas pela prefeitura.
Na sequencia, o processo será encaminhado à sessão de Contratos e Convênio da Pró-Reitoria de Administração para assinatura da Reitora da UFRN, autoridade máxima da Universidade.
O Concurso de Riachuelo será realizado conjuntamente com as prefeituras de SERRA CAIADA, SANTA MARIA, SÃO PEDRO, SÃO PAULO DO POTENGI, BOA SAÚDE, SENADOR ELÓI DE SOUZA E TANGARÁ. O ofício informa que a Reitora da UFRN somente assinará o contrato de Riachuelo quando todos estes outros municípios mandarem o contrato de suas respectivas prefeituras, com as alterações efetuadas pelos advogados da COMPERVE.
Após a assinatura de todos os contratos, pela Reitora da UFRN, a COMPERVE terá um prazo de 15 dias para elaboração dos Editais dos Concursos Públicos dos Municípios mencionados. A data de realização das provas, nesses municípios, se dará num prazo mínimo de 60 dias após a publicação dos editais. Esclarecendo melhor: o concurso de Riachuelo e dos municípios SERRA CAIADA, SANTA MARIA, SÃO PEDRO, SÃO PAULO DO POTENGI, BOA SAÚDE, SENADOR ELÓI DE SOUZA E TANGARÁ podem demorar de 60 ou 90 dias, talvez um pouco mais, mas com certeza, já foi dada a largada e todos estes municípios terão que fazer o concurso. Aos candidatos só resta se preparar muito bem, pois a disputa vai ser bem acirrada!
Fonte: Riachuelo em Ação

Prefeitura do Natal lança edital para preenchimento de 596 vagas de nível fundamental

A Prefeitura do Natal lançou hoje (21) o edital de concurso público para a contratação de agentes de saúde e endemias no Município. Ao todo, o Executivo espera preencher 331 vagas de agentes de saúde e 265 de agentes de endemias. As inscrições poderão ser feitas exclusivamente pela internet, através do site da Comperve, entre o dia 4 de agosto e 1º de setembro, ao custo de R$ 50. A prova será realizada no dia 21 de setembro.Para disputar um dos cargos, o edital cobra a comprovação de que o candidato tenha concluído o nível fundamental. Para as funções, tanto de agente de saúde quanto de endemias, o salário previsto é  R$ 1.027,21 o que corresponde ao vencimento básico, podendo ser acrescido de vantagens, benefícios e adicionais previstos na legislação. A carga de trabalho é de 40 horas semanais.

quinta-feira, 10 de julho de 2014

Dnocs fará concurso até 2015

walter_dnocs_370O novo diretor do Departamento Nacional de Obras contra as Secas (Dnocs), Walter Gomes de Souza, confirmou a realização de concurso para provimento de aproximadamente 600 vagas até 2015.
A reestruturação do órgão, que definirá novos setores e atuações, também está na lista de prioridades, além da questão orçamentária.
A realização do concurso público junto à reestruturação é o principal desafio da gestão de Walter Gomes. De acordo com dados da diretoria do Dnocs, em dois anos, o quadro de funcionários reduziu de 1.784 para 1.608 e, destes, 500 já têm idade para se aposentar. A previsão é de que, até 2019, 40% dos servidores do órgão se aposentem.A maioria das vagas do futuro concurso é para nível superior

Governo vai convocar mais 737 candidatos para Sesap

A governadora Rosalba Ciarlini anunciou na tarde de ontem (9) que irá cumprir com a decisão do Ministério Público do Rio Grande do Norte, que por meio das Promotorias de Justiça de Defesa da Saúde de Natal, ajuizou ação civil pública, com pedido de liminar, para que o Governo do Estado nomeie 737 candidatos aprovados no último concurso público realizado em 2010 e que estão no cadastro de reserva para a Secretaria Estadual da Saúde Pública (Sesap), conforme as necessidades apontadas pelo parecer da Comissão Técnica de Dimensionamento de Recursos Humanos. O governo do estado já convocou, desde 2012, mais de 1.550 servidores para trabalharem na rede estadual de saúde.
De acordo com o Secretário de Estado da Saúde Pública, Luiz Roberto Leite Fonseca, a governadora Rosalba Ciarlini determinou que a Procuradoria Geral do Estado (PGE) desista do recurso impetrado na semana passada junto ao Tribunal de Justiça do RN (TJRN) e que, com isso, já está adotando as providências necessárias para cumprir a decisão. Segundo ele, a divulgação com a lista dos aprovados deverá ser publicada no Diário Oficial do Estado até o começo da próxima semana.
“Mesmo fora de um processo eleitoral, a governadora Rosalba Ciarlini dá, mais uma vez, uma demonstração de espírito público e responsabilidade e empenha novamente o seu o compromisso com a Saúde Pública, numa demonstração de coerência e atitude pelo interesse coletivo. Medida como esta contribui para fazer do SUS um sistema efetivamente forte e resolutivo. Desta forma, o RN avança na direção de uma Saúde Pública mais condigna”, destacou o secretário Luiz Roberto Fonseca.
Com a última publicação, no dia 21 de junho, o Governo do Estado já havia realizado o máximo de convocações possíveis dentro do critério estipulado para não exceder o limite prudencial definido pela Lei de Responsabilidade Fiscal. Desta forma, o Estado já tinha tomado todas as medidas legais, cabíveis ao Poder Executivo, respeitando a LRF, para completar as vagas disponíveis por vacância, decorrente de aposentadoria ou morte na pasta da Saúde. Com a decisão do TJ, o Governo do Estado terá a possibilidade, dentro do critério legal, de cobrir o déficit de recursos humanos necessários a toda rede hospitalar da região metropolitana a fim de garantir uma melhor resolutividade dos serviços prestados.
Nos cálculos da Secretaria de Saúde, os convocados trarão um impacto de R$ 2,1 milhões/mês para a folha de pagamento. Apesar disso, a decisão da governadora Rosalba Ciarlini leva em consideração o envelhecimento do quadro de servidores da Sesap, onde estão previstos um considerável número de aposentadorias até o próximo ano, a atual carência de servidores em áreas essenciais aos serviços de saúde, bem como a economia que será gerada em função da redução dos plantões eventuais e gastos com cooperativas que recebem repasses para cobrir a falta de profissionais.